quinta-feira, 25 de dezembro de 2014

FIBROSE PULMONAR

A fibrose pulmonar é uma doença caracterizada pelo surgimento de cicatrizes no tecido dos pulmões, fazendo com que se tornem mais rígidos, dificultando a respiração e causando sintomas como falta de ar e tosse seca, por exemplo.
Geralmente, a fibrose pulmonar é idiopática, pois não é possível identificar uma causa específica da doença. No entanto, a fibrose pulmonar é mais comum em adultos e idosos fumantes ou ex-fumantes, trabalhadores da construção civil ou agricultura e pacientes que fazem tratamento com radioterapia ou quimioterapia.
fibrose pulmonar não tem cura porque os danos provocados no pulmão não podem ser reparados. Porém, a doença pode ser controlada através do tratamento que envolve o uso de remédios corticoides, prescritos pelo pneumologista, e fisioterapia respiratória.

Como tratar a fibrose pulmonar

O tratamento da fibrose pulmonar deve ser orientado por um pneumologista e, normalmente, é iniciado com o uso de remédios corticoides, como a Prednisona, e remédios que reduzem a resposta do sistema imune, como a Ciclosporina ou Metotrexato, que aliviam os sintomas da doença.
Além disso, o médico também pode recomendar o uso de oxigênio em casa para aumentar a sua concentração no sangue, ajudando a melhorar a respiração. Já a fisioterapia também pode ser usada para melhorar a capacidade respiratória do paciente, através de exercícios orientados pelo fisioterapeuta.
Nos casos mais graves, em que o tratamento não é eficaz, pode ser necessário ficar internado no hospital para receber os remédios na veia ou fazer um transplante de pulmão.
Saiba mais sobre o tratamento em: Tratamento para fibrose pulmonar.

O que causa fibrose pulmonar

Embora não exista uma causa específica para a fibrose pulmonar, o risco de desenvolver a doença é maior para indivíduos que:
  • São fumantes;
  • Trabalham em ambientes com muitas toxinas, como pó de sílica ou amianto, por exemplo;
  • Fazem radioterapia ou quimioterapia para câncer de pulmão ou da mama;
  • Utilizam remédios para problemas cardíacos, como Cloridrato de Amiodarona ou Propranolol, ou antibióticos, como Sulfasalazina ou Nitrofurantoína, por exemplo;
  • Possuem doenças pulmonares, como Tuberculose ou Pneumonia;
  • Têm doenças autoimunes, como Lúpus, Artrite Reumatoide ou Esclerodermia.
Além disso, a fibrose pulmonar idiopática pode passar de pais para filhos, sendo recomendado fazer um aconselhamento genético caso existem muitos casos da doença na família.

Sintomas da fibrose pulmonar

Os sintomas da fibrose pulmonar incluem:
  • Falta de ar;
  • Tosse seca;
  • Cansaço excessivo;
  • Perda de peso sem causa aparente;
  • Dores musculares e nas articulações;
  • Dedos azuis ou roxos.
Estes sintomas podem variar de acordo com o paciente e a evolução da doença, sendo que, em alguns casos, a fibrose pulmonar pode surgir muito rapidamente ou desenvolver-se ao longo de vários meses ou anos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...